sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

Viva ela... A chuva

Hoje foi daqueles dias em que me arrependo do dinheiro que gastei em mais uma capa de chuva.
O raio da capa foi solidária com a chuva... E molhou-me todo literalmente.
Está na hora de gastar dinheiro!!!

domingo, 24 de dezembro de 2017

Rapha Festive - Os amigos

Se por um lado o Strava nos proporciona uma desculpa para se pedalar mais um pouco nesta fase, por outro lado também serve para que bons e velhos amigos se reunam para fazer o que tanto gostam.
É pena não se repetir mais vezes, mas a vida e o strava são mesmo assim... Complicados.

E foram umas boas 4 ou 5h de excelente pedaladas.

! ! ! . . . FELIZ NATAL . . . ! ! ! 

segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Rapha Festive 500

O problema de andarmos anos a fio a pedalar com um objectivo, é este mesmo... Quando não temos nenhum a bike depressa passa para a zona esquecida da garagem.
Este ano o meu grande objectivo (não usar a bike na deslocação para a empresa) foi por água abaixo. Até aqui tudo bem, não fosse isto acontecer a cerca de 3 semanas do final do ano. 
A falta de vontade foi tal ao ponto de por vezes eu próprio estar a inventar desculpas para não ir pedalar.
Em conversa com um amigo meu, decidi "inscrever-me" mais uma vez neste #raphatestive e dessa forma ter algo que me "obrigue" de uma vez por todas a dar uma pedaladas.

O mais certo é, mais uma vez claro, arranjar desculpas para ficar no quentinho, mas pelo menos por falta de um objectivo não é a justificação!

! ! ! . . . BOAS PEDALADAS . . . ! ! !

quinta-feira, 31 de agosto de 2017

Red Bull... Quê?

De repente somos invadidos por uma febre aérea que mete nojo.
Anos sem se falar em nada e de repente todos percenbem de aviões e manobras...!
Pensando nas centenas de milhares de pessoas que vão invadir a cidade, só me ocorre um pensamento...
Cerca de 99,9% estará ali a apanhar um escaldão, e olhar para o céu e sem perceber a ponta de um corno do que ali se está a passar. Mas pronto, saem sempre fotos giras para o facebook!


! ! ! . . . BOAS PEDALADAS . . . ! ! ! 

sábado, 26 de agosto de 2017

Stand up paddle

É certo que o ciclismo nos proporciona momentos e paisagens únicas. Mas o problema é que estaremos sempre sozinhos... Ou quase. Horas e horas a fio em cima de um selim, e por vezes encontramos algo que, numa manhã, nos deixa de alma cheia. E foi o que aconteceu hoje em Amarante. Fui experimentar o stand up paddle com um grupo de amigos. No início é o que imaginam, mas depois de entendermos a "mecânica da coisa", é um prazer enorme.
Mas se contente estava nesta pequena descoberta, de coração cheio fiquei quando, a muito custo, a Martinha lá decidiu aceitar o convite do pai e acompanhar-me nes nossa odisséia no Tâmega.
Acreditem... AMEI O MOMENTO.
E se fiquei contente ao vê-la ali comigo, orgulhoso então quando a vi Tâmega acima, montada numa prancha sozinha.
O tempo passa rápido, rápido demais se calhar.
Vamos aproveita-lo o mais que podermos!
A vocês os dois, Luli e Rui, agradeço do fundo do coração (que romântico) a excelente manhã que proporcionaram há família Frinxas. Adoramos a experiência e prometemos repetir sem dúvida!

quarta-feira, 23 de agosto de 2017

Anatomia do empenado


Já não me lembrava que tinha músculos na zona das canelas também.
Coisas do atletismo.

Por acaso não existe a versão half- São Silvestre?

terça-feira, 22 de agosto de 2017

Objectivo... São Silvestre

O ciclismo é e sempre será um desporto solitário. Refiro-me a esta solidão na questão familiar claro.
Volta e meia pensamos nas horas que "perdemos" sem estar com "os nossos"! Os 40's aparecem e atrás deles veio um tal de Francisco. Resumindo, ficamos uns conas moles.
Sendo eu um "bicho do desporto", andei dias a fio a tentar conciliar uma coisa com a outra, o que nem sempre é facil. Um dia enquanto assistia na televisão a uma prova de atletismo, lembrei-me do tempo em que dei umas corridas... Ou caminhadas rápidas eu sei. De repente fez-se luz.
Falando com a minha herdeira mais nova, e propus-lhe o desafio de, até dezembro, darmos umas corridas e concretizarmos os dois a corrida de São Silvestre realizada aqui em Ermesinde. Para meu espanto, ela aceitou rapidamente. Se por um lado fiquei contente, por outro fiquei a pensar que aquela rápida resposta não seria para colmatar o "nosso tempo perdido". Confesso que esperava ter mais luta na resposta positiva.
Farto de ter constantemente a "cabeça a prémio" no meio dos pedais, acho que está na hora de relaxar um bocado até deixar a poeira assentar. Enquanto isso não acontece, vou-me armar em keniano com a Martinha. E esta hein?
Fica aqui, para memória futura, o registo na nossa "corrida" de hoje.
Daqui a 8 dias, se ela continuar com estes treinos de alto rendimento, volto a colocar algo de maneira que se vá vendo a nossa evolução.

Acharam estranho a Martinha aceitar algum desafio relacionado com um desporto que não a sua amada dança? Pois... Pasmem-se. Tivemos uma companhia de peso. A Joana, minha irmãzinha, decidiu finalmente começar a fazer algo a nível desportivo. Confesso que não a estou a ver a correr em algum evento, contudo vê-la nestas lides dá-me um certo gozo. Demorou um bocado (37 anos), se calhar um bocado demais até se lembrar que afinal isto faz falta, mas com o tempo "a coisa" lá vai.
Até lá....

! ! ! . . . BOAS PEDALADAS . . . ! ! ! 

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Bike to work

É bom estar 1 mês e meio em casa, mas é melhor ainda, principalmente nos dias de hoje, que temos sempre um trabalho que espera por nós.
E assim foi, um mês e meio depois a finlandesa de volta ao meio do trânsito.
! ! ! . . . BOAS PEDALADAS . . . ! ! !

terça-feira, 15 de agosto de 2017

HUM...

Chamam-lhes estratoféricos...
Chamam-lhes nucleares...
Dizem-lhes que são protour...
Enfim, todas as suspeitas do costume.
O que acho estranho não são as insinuações, mas feitas por alguém de direito e sempre sempre sempre sem usar nomes. É feio, muito feio. Apenas alimenta estes filmes.
Comparar alguém a um escalão muito acima jé e bom, mas sabendo o que fazem eles desde pequenos e sabendo o que fazem os nossos quando não estão a pedalar... É suspeito claro.
Teorias da conspiração ou não, eles lá vão ganhar mais uma Volta logo.
! ! ! . . . BOAS PEDALADAS . . . ! ! !

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

DIOGO SÁ

Por vezes pomos em causa a Sua própria existência.
A vida é mesmo puta.

DESCANSA EM PAZ DIOGO